O melhor conteúdo da região

Tecnologia do Blogger.

Usuários do transporte alternativo e complementar dos Projetos de Irrigação participam de reunião com EPTTC

Publicado em 22/11/2014, às 17h31

Mais uma vez a prefeitura de Petrolina, através da Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo (EPTTC), abriu espaço para discutir melhorias no transporte alternativo e complementar do município. O diretor-presidente da EPTTC, Paulo Valgueiro, esteve reunido na sexta-feira (21), na quadra esportiva do N-4, com estudantes e moradores do N-5, C-2 e Assentamento Água Viva. Na ocasião, foram discutidos assuntos relacionados à categoria dos motoristas, implantação da bilhetagem eletrônica e as melhorias do atendimento e horários dos microônibus e vans que trafegam nas agrovilas.

Participaram do encontro o presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina, Osório Siqueira; Ryan Pedro, assessor transporte complementar da EPTTC; o presidente da ATECIPE Projetos, Pascoal Afrânio; representantes e presidentes da Associação dos moradores do N-5; Associação dos Pequenos Agricultores; Associação dos Moradores da Vila Esperança N-4; Associação dos Produtores de Acerola e Frutas do Vale do São Francisco; Grêmio Estudantil- IF Sertão; Associação dos Moradores do C-2 e a presidente do Sindicato da Agricultura Familiar.

Paulo Valgueiro citou a necessidade da união dos envolvidos no processo, destacando a solicitação dos moradores para que os motoristas tratem melhor os passageiros. “Nosso transporte é seguro e nossos motoristas são capacitados nos cursos de transporte de passageiros, em parceria com o Sest/Senat. Importante é o debate sobre como fazer para que mais pessoas utilizem o transporte alternativo e complementar com maior satisfação. Para isto os motoristas devem em primeiro lugar ter educação e respeito com os usuários”, finalizou.

As informações são da assessoria da EPTTC.

Compartilhe no Google +

Blog Revista do Vale

Os comentários publicados abaixo são de total responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião da Revista do Vale.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário